12 momentos nos quais você quis abraçar O Pequeno Príncipe

Fenômeno de vendas no mundo, O Pequeno Príncipe, de Antoine de Saint-Exupéry, foi lançado no ano de 1943, na França. O livro alcançou números astronômicos sendo traduzido em mais de 280 idiomas e dialetos; vendeu mais de 150 milhões de cópias no mundo todo; e atualmente dá uma renda de aproximadamente € 100 milhões anualmente aos familiares do autor. O Pequeno Príncipe teve ainda ao menos 16 adaptações para o cinema e TV.

 

O menino que encantou o mundo com a maneira singela que enxerga as coisas ao seu redor, dá uma verdadeira lição de vida que emociona até hoje pessoas de várias gerações.

O Pequeno Príncipe é daqueles livros que dá vontade de grifar com marcador cada linha de cada uma de suas páginas. O breve post traz algumas de suas frases mais marcantes e apaixonantes, e deixa uma reflexão para a vida.

Vamos conferir:

“Foi o tempo que perdeu com a sua rosa o que fez dela uma rosa tão importante.”

“Num mundo que se faz deserto, temos sede de encontrar um amigo.”

“Só se vê bem com o coração, o essencial é invisível aos olhos.”

“Serás para mim único no mundo e eu serei para ti única no mundo.”

“Os homens cultivam cinco mil rosas num mesmo jardim e não encontram o que procuram. E, no entanto, o que eles buscam poderia ser achado numa só rosa.”

“O que quer dizer cativar? – É uma coisa muito esquecida.… Significa criar laços.”

“Tu te tornas eternamente responsável por aquilo que cativas.”

“Quando a gente está triste demais, gosta do pôr do sol.”

“Ele era para mim como uma fonte no deserto.”

“A gente corre o risco de chorar um pouco quando se deixa cativar.”

“Me sinto feliz e todas as estrelas riem docemente.”

“— Se alguém ama uma flor da qual só exista um exemplar em milhões e milhões de estrelas, isso basta para fazê-lo feliz quando as contempla. Ele pensa “minha flor está lá, em algum lugar…”. Mas se o carneiro come a flor, é, para ele, como se todas as estrelas se repentinamente se apagassem! E isto não tem importância?”